(RH-2) Gestão de Mudanças e Transformações Organizacionais

(RH-2) Gestão de Mudanças e Transformações Organizacionais

Free

About this course

Datas

18 de abril de 2022

11 de julho de 2022

17 de outubro de 2022

6 de dezembro de 2022

Período e Carga Horária

Diurno

8 horas

NOTURNOS/ SÁBADOS possuem valores reduzidos – entrar em contato pelo telefone: (11) 3097-9646

A – OBJETIVOS DO CURSO

  • Propiciar aos participantes conhecimentos, habilidades e instrumentos de ação gerencial capaz de gerar a competência estratégica, organizacional, interpessoal, administrativa e técnica necessárias à gestão eficaz dos processos de mudanças organizacional e comportamental. Visamos proporcionar condições para que sejam controlados os padrões de transformação e neutralizadas as variáveis internas de natureza micro e macro capazes de gerar disfunções e comprometer resultados econômicos e sociais integrantes da estratégia da empresa para curto, médio e longo prazo através do conhecimento das fases inerentes a realização de diagnóstico do clima e cultura organizacional.
  • Os participantes serão estimulados a realizar uma análise crítica de cada etapa do processo, para extrapolar a realidade de suas organizações e assim proceder à tomada de decisão.
  • Capacitar os participantes a diagnosticar o Clima Organizacional, identificando e certificando a percepção dos empregados com relação a determinadas características no ambiente da empresa, interpretando os dados levantados e sugerindo mudanças para a melhoria do clima.

B – A QUEM SE DESTINA

Profissionais da área de R.H. – responsáveis por diagnósticos e pesquisas que necessitam implementar na área.

C – PROGRAMA

1.Cultura Organizacional: Tendências e Desafios 

  • A ideologia das organizações. Conceitos. Definições. Por que a cultura corporativa é importante. Reflexos da cultura.
  • Cultura organizacional e modernidade:  Mitos e realidade.
  • A ideologia da empresa como poderosa estratégia para uma gestão eficiente.
  • Momentos de crises, conflitos e transformações: novos paradigmas, novos caminhos do homem e das organizações.
  • A importância da convergência de valores para o sucesso empresarial.
  • Diagnóstico e análise da cultura organizacional: técnicas e instrumentos.
  • Novas crenças, novos valores, o fim das chefias intermediárias, a individualização. Novas formas de pensar e organizar.
  • A empresa holística: características, modos de ação, seus valores e crenças dominantes x empresas convencionais.
  • Estratégias para a evolução da cultura organizacional.

2.Clima Organizacional 

  • Premissas: o diagnóstico de clima enquanto início de um processo de mudanças. A abrangência do clima organizacional. Definição de objetivos/resultados. Componentes enfocados.
  • Estratégias de implantação: conhecendo a organização, preparação da empresa, envolvimento das pessoas, definição dos indicadores.
  • Operacionalização: métodos e técnicas. Avaliação, análise e apresentação de resultados.
  • Adequação da realidade: subprodutos do diagnóstico. Riscos e oportunidades de implantação.
  • Tomada de decisão.
  • Fatores determinantes do Clima:

–   Externos

–   Internos

  • Cultura Organizacional – Tendências e Desafios.

–   Momentos de crise, conflitos e transformações: novas crenças, novos valores, novos caminhos do homem e das organizações (novas formas de pensar e organizar).

–   Estratégias para a evolução da cultura organizacional.

  • Definição dos Indicadores: como mensurar o Clima.

–   Questionários.

–   Entrevistas.

–   Análise de dados como absenteísmo, rotatividade e outros.

–   Comunicação informal.

  • Etapas da PCO (Pesquisa Clima Organizacional).

–   Planejamento.

–   Construir o instrumento de medida: questionário.

–   Aplicação do questionário.

–   Análise e apresentação de resultados.

  • Elaboração do plano de ação para melhoria do clima.

3.Gerenciamento de Mudanças, Clima e Conflito em Situações Complexas 

  • Como administrar mudanças organizacionais com eficácia. Formas de mudanças mais comuns nas organizações .
  • Fatores que inibem e impedem a adaptação e reação às mudanças. Padrões de liderança em ambientes de mudanças e turbulências.
  • Aspectos da organização a serem considerados nas fases de mudanças: Estratégia social, estrutural, política e simbólica.
  • Recursos e processos para arcar com a complexidade, conflitos e incertezas.
  • Impacto das mudanças nos recursos humanos da empresa: motivos lógicos, psicológicos e sociológicos da resistência às mudanças.
  • Como manejar e vencer as resistências: estratégias de envolvimento e participação nos processos de mudanças. Práticas brasileiras. Estudos de casos.

4.Concepção de Programas de Desenvolvimento Organizacional 

  • Características do Desenvolvimento Organizacional.
  • Definições.  Objetivos.  Princípios.
  • Diagnóstico dos problemas.
  • Níveis e alvos no programa de desenvolvimento organizacional.
  • Cultura organizacional: Insumos, comportamentos organizacionais e impacto nos programas de D.O.
  • O iceberg organizacional. Modelos de alvos de desenvolvimento organizacional.
  • A intervenção pelo desenvolvimento organizacional.
  • Transição dos valores que estão por trás do desenvolvimento organizacional.
  • Problemas típicos do D.O. Como superá-los.
  • Estratégias para mudanças: unilateral, participativa e delegada. Características.
  • Pré-condição para desenvolvimento de programas de DO. Avaliação de programas.
  • Combinando organização e meio ambiente: estados ambientais x estados organizacionais.
  • Contribuições dos agentes internos e externos para a eficácia dos programas de desenvolvimento organizacional.

5.Endomarketing de Recursos Humanos: Pré-Condição Para Pilotagem de Projetos de Mudanças 

  • Marketing. Conceitos. Marketing de serviços x Marketing de produtos.
  • Perfil da administração de Recursos Humanos voltada ao cliente interno.
  • Estilos dos profissionais de RH atuando em processos de mudanças: os visionários, os ouvintes dos clientes, os que se escondem, os faladores.
  • O “grid” de atendimento prestado pelos órgãos de recursos humanos aos clientes/parceiros internos.
  • O marketing de serviços como estratégia implícita de endomarketing. Comprometimento com uma política de atendimento para desenvolvimento do endomarketing de recursos humanos. Auto-avaliação. Exercícios. Conclusões.
  • Endomarketing: pesquisa, mensuração e análise do mercado interno. Instrumentos de pesquisa das reais necessidades do mercado interno.
  • A importância de um sistema efetivo de informações voltado aos clientes internos.
  • As lideranças e especialistas em recursos humanos são de padrão mundial? Diagnóstico comparativo.
  • A importância da excelência/fidedignidade dos serviços prestados: tornar 100% de satisfação do público interno a meta do órgão de recursos humanos.
  • Mensuração da satisfação do público interno com relação aos serviços oferecidos: a cultura de manter os clientes internos para sempre. O valor vitalício do público interno satisfeito x sua contribuição para a imagem institucional do órgão de recursos humanos.

D – METODOLOGIA PEDAGÓGICA

  • Será adotada uma metodologia participativa/consultiva adaptada e dinâmica para que corresponda aos efeitos esperados do treinamento com ações interativas entre participantes e o apresentador do curso.
  • Serão utilizadas ferramentas para diagnósticos e auto-avaliação crítica. Todos os temas e conteúdo programático estarão baseados em textos, estudos de casos, questionários e filmes de apoio. Todos os participantes receberão uma apostila completa tratando das temáticas que serão abordadas no curso.
  • Utilizar ferramentas para auto-avaliação crítica, combinar sessões expositivas com trabalhos em grupo e exercícios de simulação de caráter essencialmente prático com elaboração de questionários adaptados à realidade da empresa, bem como a interpretação dos resultados.
Autor / Apresentador

Consultores da equipe Comanda.

Investimento

R$ 1.100,00