(RH-12) Como Medir (Avaliar) os Resultados das ções de T&D

(RH-12) Como Medir (Avaliar) os Resultados das ções de T&D

Free

About this course

Datas

4 de fevereiro de 2019

26 de março de 2019

30 de maio de 2019

20 de agosto de 2019

2 de setembro de 2019

31 de outubro de 2019

Período e Carga Horária

Diurno

8 horas

NOTURNOS/ SÁBADOS possuem valores reduzidos – entrar em contato pelo telefone: (11) 3097-9646

A – OBJETIVOS DO CURSO

  • Fornecer aos participantes ferramentas que permitam acompanhar e avaliar a aplicação prática de conceitos e técnicas, processados através de programas de treinamento.
  • Instrumentalizar os participantes com “ferramentas” para avaliar efetivamente os resultados do Programa de Treinamento.
  • O curso terá ainda seu desdobramento apoiado em situações práticas, de modo a que seus participantes possam AVALIAR a adequabilidade de cada técnica vivenciada às exigências da realidade de suas empresas, momento e estratégia de execução de programa de treinamento.

B – A QUEM SE DESTINA

  • Profissionais atuando em posições de chefia, nos diferentes setores/áreas da empresa, em fase de preparação para assumirem posições de chefia, do setor de treinamento, da área de treinamento, incluindo Analistas, Coordenadores, Instrutores e Multiplicadores, além de Consultores Internos em RH e aqueles que desejam evoluir altura técnica relevante em gestão de RH.

C – PROGRAMA

1.Introdução ao Processo de T&D: Visão Sistêmica de Ação de T&D – Onde Insere a Avaliação? 

  • Treinamento, uma ferramenta no desenvolvimento de potencial e habilidades.
  • Treinamento x indicadores operacionais.
  • Formação/aperfeiçoamento.
  • Treinamento como um processo educativo permanente.
  • Da sala/laboratório para o posto de trabalho.
  • Folha de acompanhamento.
  • Retreinamento.
  • Reciclagem.
  • Levantamento de necessidades.
  • Objetivos do treinamento.
  • Objetivos de comportamento.
  • Elaboração de programas x elaboração de instrumentos de acompanhamento/avaliação.
  • Como determinar as necessidades de treinamento.
  • Instrumentos de pesquisa para identificar necessidades de treinamento.
  • Coletando e analisando dados de trabalho.
  • Análise de tarefas para o desenvolvimento de programas de treinamento.
  • Identificação de objetivos para um programa de treinamento.
  • Como estabelecer níveis de desempenho realistas.
  • Definição de níveis de “performance” presentes ou que são esperados/previstos.
  • Por que níveis de desempenho são necessários para o indivíduo e para a organização.

2.Indicadores de Desempenho em T&D 

  • Competências, parâmetros de performance e de excelência da gestão moderna de T&D: apresentação de cenário e tendências mais evidentes.
  • Instrumento 1: Auto-diagnóstico da Ação de T&D (fornece parâmetros para a arquitetura de ação, diagnose de situação e formulação de mudanças).
  • Instrumento 2: Auto-avaliação de estilos gerenciais na gestão de T&D (orienta a identificação de estilos gerenciais e as necessidades de marketing de imagem pessoal de gestores).
  • Instrumento 3: A eficácia de T&D sob o ponto de vista do cliente interno (fornece um modelo para a pesquisa e interpretação de resultados sobre a qualidade dos serviços prestados aos clientes internos).
  • Instrumento 4: Modelo de pesquisas externas para orientar ações de “benchmarking” (ilustra a condução da pesquisa, onde aplicá-la e como interpretar os dados obtidos).
  • Instrumento 5: Relatório de Gestão Financeira ( modelo consolidando custeio de despesas e investimentos para posterior comparação com orçamentos operacionais da área).
  • Instrumento 6: Relatório Estatístico de Gestão (modelo para consolidar os números gerais da operação de T&D).
  • Instrumento 7: Relatório Analítico das contribuições de T&D (modelo para consolidar os resultados das ações T&D).
  • Encerramento do evento: a “sintonia fina” dos instrumentos.

3.Técnicas de Avaliação de Resultados do T&D 

  • Painel interativo de abertura dos trabalhos: a experiência, as dificuldades e os questionamentos de cada participante na dimensão de avaliação de resultados de T&D.
  • Reforço da base cognitiva: consolidação dos resultados do painel interativo o seu embasamento à luz do conceito de administração integrada do sistema T&D.
  • O que podemos extrair da série de normas ISO 9000 para ajustar a gestão das ações em T&D.
  • Discussão sobre mensuralidade e tangilização de resultados em T&D: como ambas se complementam.
  • Critérios para medida numérica das situações que serão objeto de intervenção via treinamento.
  • Como descrever objetivos reais, mensuráveis e exequíveis para os programas de T&D.
  • Tipos de treinamento e a elencação das suas medidas numéricas.
  • Coleta de indicadores internos e externos para balizar as medidas e as comparações relativas aos programas realizados.
  • Avaliação de reação, avaliação numérica dos resultados do curso e cerimônia de encerramento.

D – METODOLOGIA

  • O evento será conduzido sob a ótica de um “Workshop”. Portanto, cada instrumento será analisado e dissecado em termos da sua dinâmica de aplicação, flexibilidade para ajustes às especificidades das empresas representadas no evento, de cada um extraída a sua contribuição para excelência da gestão de T&D.

E – APRESENTADORES

B. Milioni

  • Formação acadêmica em Sociologia e Administração de Empresas.
  • Cursos de extensão e aperfeiçoamento nos campos de Comportamento, Desenvolvimento Organizacional e Administração Mercadológica.
  • 30 anos de carreira, ocupando cargos executivos em Administração de Recursos Humanos e Marketing, atuando como profissional independente desde 1982.
  • Professor Universitário, cadeiras de Teoria Geral da Administração e Gestão Estratégica.
  • Autor de 13 obras sobre temas da Administração.
  • Articulista e resenhista de vários jornais e revistas de expressão maior.
  • Conferencista junto a eventos como congressos e seminários.

José Francisco de Morais

Autor / Apresentador

Consultores da equipe Comanda.

Investimento

R$ 1.100,00